segunda-feira, 16 de junho de 2014

CARTA



Escrevo-te estas linhas mal traçadas...  
Porque a saudade  veio visitar meu coração:
Espero que  me desculpes por favor;
Os erros nas frases desta descrição,
É uma prova das dores do meu coração.
Eu sei que não podes ler esta carta.... 
Nem uma resposta podes dar;
Porém pouco  importa:
Apenas te quero confessar...
Que sinto muitas saudades;
De ao pé mim  já não estares.

Já tanto tempo faz...
Que eu li no teu olhar;
A vida que tu sonhavas.
E guardo no coração...
De que já vi passar;
Um ano sem te ver,
Um ano sem te abraçar:
Ou de ti me aproximar.
Em ti sempre reparei...
O teu belo entusiasmo;
E para terminar, amigo assinarei:
Que no meu coração,
Para sempre te guardarei.

Saudade

Quando penso em ti me sinto flutuar...
Me sinto alcançar as nuvens;
Tocar as estrelas e no céu morar:
Tento superar as imensas saudades;
Que arrasam o meu coração.
 São doces lembranças do teu ser...
E recordações dos tempos que passamos;
São sentimentos de saudades:
Que sobrevivem  longe de mim.
A delicadeza de tuas palavras...
São imensidão dos teus sentimentos:
E são momentos das minhas saudades,
Quando penso em ti amigo.
O meu coração chora de saudade...
Pela tua eterna ausência;
Eras o esplendor de um anjo:
Que nos envolvias como uma suave brisa,  
Que no meu coração vou guardar.

Autor: Santa Cruz (Diacono Gomes)

@reservado os direitos do Autor

Nota Dedico esta minha carta e poema ao meu Amigo do Coração Diácono Fernado Silva, que partiu para o Pai faz hoje um Ano.

6 comentários:

Patricia Galis disse...

Que linda carta, e que Deus tenha seu amigo em um bom lugar.

Adriana Helena disse...

Olá Santa Cruz, muito boa tarde!

Estou encantada com a carta da saudade!
Sentimento inerente, forte e resistente de uma ausência sentida e sofrida!

A delicadeza das palavras e da ansiedade do reencontro, foram os pontos que destaco, por serem belíssimos!
Sem dúvida um trabalho primoroso!

Agradecida por esta beleza em letras!!
Beijos e uma grande e especial semana!

Sonhadora (RosaMaria) disse...

Meu querido amigo

Um belo poema homenagem que adorei ler, como sempre maravilhoso.

Estou voltando e agradecendo o carinho e apoio.

Um beijinho
Sonhadora

Maria Rodrigues disse...

Uma delicada e bela homenagem.
Bom domingo
Beijinhos
Maria

Anne Lieri disse...

Manoel,que bela e saudosa carta! Gosto muito de suas poesias! bjs e boa quinta!

Maria Luisa Adães disse...

Parabéns pela ternura de seus versos

Um abraço da sempre amiga,

Maria luísa Adães