sábado, 15 de novembro de 2014

MINHA ESTRELA DA NOITE



És a minha estrela da noite…
Que estás deitada a meu lado;
Fico imerso num turbilhão:
De paixão e de amor.
No céu nocturno…
Eu vejo a tua imagem;
Bela como uma flor de Jasmim:
Abraçando o nosso amor.
Na noite escura eu suspiro…
Pelo teu rosto de pérola mãe;
Amo-te! Como as sombras:
Dos amantes do amor.
Quero ir para o céu…
E nunca me esquecer de ti;
Feliz aniversário;
Amor da minha alma.

Autor. Santa Cruz


Nota: Poema escrito em Janeiro de 2009, de homenagem a minha esposa no dia em que fez 54 anos.

7 comentários:

Lu Nogfer disse...

Olá, querido Santa Cruz

Que belos e doces versos!
Parabéns pela linda homenagem que certamente a deixaste feliz.

Beijos.

MARILENE disse...

Ficou muito bela sua declaração de amor, em data tão especial. Certamente, encheu o coração dela de alegria. Abraço.

lis disse...

Esses mimos de amor são necessários a alma feminina.Sabes bem o método da conquista traduzidos em palavras em poemas lindos.
Parabéns aos dois.
meu abraço

Marineide Dan Ribeiro disse...

Que lindo ver que sempre tem alguém com sensibilidade para fazer versos tão lindos e românticos...Parabéns!

Um abraço!

Magia da Inês disse...

♪♬° ·.
Parabéns para a estrela do seu coração, sua flor mais querida!
Desejo alegria, paz e que o amor continue sempre entre vocês.

Boa semana!
Beijinhos do Brasil.♪° ·.
♪♬♫° ·.

Nina Filipe disse...

Olá meu bom amigo, o seu poema não fica nada atrás do meu, se eu podesse trocava, mas cada um igual a si mesmo beijinhos para si e para o seu herói, tenha uma boa noite, e um bom Dezembro.

Elvira Carvalho disse...

Uma bela declaração de amor que decerto deixou sua esposa ainda mais feliz.
Um abraço e óptima semana