domingo, 19 de janeiro de 2014

O VOSSO ROSTO

                                                           
Tenho uma saudade tão grande…
Tenho uma nostalgia do vosso rosto;
Disse-vos adeus há tanto tempo,
 Os vossos beijos são as minhas lembranças:
Do primeiro comboio e da última carruagem.
Tenho uma saudade tão grande…
 Que pode ser organizada!
Como uma procissão de colores de todos os tamanhos:
E promessas da época, pelo tacto dos meus sabores.
Sim tenho saudades de um abraço…
Que na vossa ausência que me assistem no vosso rosto;
Estou cheio de sonhos das noites,
 E dos desejos, dos risos e alguma maldição.
Os meus hóspedes correm como sonhos…
 Com os seus rancores novos e a sua falta de condor;
Ponho uma vassoura atrás da porta:
 Porque quero estar só com a imagem do vosso rosto.
Porque o vosso rosto olha para outra parte…
 Com os seus olhos de amor, que vos ama e como vivem;
Que procuram uma mulher!
 E se apaga na minha jornada.
As paredes se vão quebrando na noite…
 Com a nostalgia que se quebra do nada;
Vi o vosso rosto com os olhos cerrados:
 É apenas uma saudade tão grande e desolada.

Autor: Santa Cruz
Deposito Legal 308606/10


10 comentários:

Ana Paula disse...

Santa Cruz que belíssimo poema. De uma saudade que parece não caber no peito. Uma saudade que muitos já sentiram. Eu, sim.

Obrigada pelo carinho lá no blog.
Abraços!

luís rodrigues coelho Coelho disse...

Bom dia
A saudade nos dilacera em pensamentos de saudade, amor e mágoa
Precisamos de olhar em frente agradecendo esses dias maravilhosos que Deus nos deu. A vida continua.
Hoje comemoro 31 anos de casamento.
Nem tudo foram rosas, também houve desentendimentos, houve falhas e alguns ressentimentos.
Agradeço ao Senhor a minha família e peço-Lhe que nos guarde e nos abençõe. Que nos dê o pão de cada dia e a paz que nos ajuda a renovar o nosso amor em cada anoitecer.
Um abraço que te ajude a curar essa dor da saudade. Jesus precisa que Lhe ofereças esse Amor.

Maria José Rezende de Lacerda disse...

Tão lindo poema!!! Grande abraço.

marlene disse...

Bom dia Santa Cruz amigo querido
lindo este poema que fala de saudade
ausencia distancia adorei passei por aqui para agradecer sua visita ao blog fico sempre muito feliz em ve-lo por aqui um abraço meu carinho a voce bjs marlene

Pérola disse...

Uma saudade gemida, sussurrada em espera paciente.

beijo

Evanir disse...

Hoje estou vivendo um momento muito especial na minha vida.
Por isso estou aqui convidando você para se alegrar com minha benção.
Tenho estado ausente porém hoje estarei
dedicando meu tempo que deveria estar em repouso
absoluto para me encontrar com você matar as saudades.
Com uma mensagem de uma data muito importante para mim
venho convidar você para buscar minhas lembranças desse dia.
Desejo lhe um abençoado final de semana
luz paz e Deus no seu viver.
Beijos com infinito carinho e amizade .
Evanir.
Amigo agradeço o carinho da sua visita a muito tempo não visitava meu blog.
Fiquei feliz em saber de você espero que esteja já bem com a saúde.

Patrícia Pinna disse...

Bom dia, Santa Cruz. A saudade é um sentimento que parece não ter mais fim, mas em alguns casos ela fica por uma necessidade em deixarmos o outro partir ainda amando.
Parabéns!
Beijos na alma e paz!

Sonhadora (RosaMaria) disse...

Meu querido amigo

A saudade é isso mesmo que descreveu no seu belo poema...dói demais.

Um beijinho com carinho
Sonhadora

Mariazita disse...

Querido amigo Manuel
A minha modesta incursão no campo da poesia deu origem a um post que publiquei hoje, dia 30.
Devo continuar? É melhor desistir? Qual é a tua opinião?
Aguardo-te na minha «CASA», para te pronunciares…
Obrigada.
Beijinhos

Magia da Inês disse...

°♪♬♫º°
Muito lindo! Um dos teus mais belos poemas. Parabéns!!!

°º✿♫ Bom fim de semana!
°º✿ Beijinhos.
º° ✿✿ ♫° ·.